terça-feira, 19 de maio de 2015

Palestra BIM | CAU/RS

Aconteceu no dia 7 de maio a palestra BIM – MERCADO & IMPLANTAÇÃO. O evento foi realizado pelo CAU/RS em Porto Alegre.
A palestra foi transmitida ao vivo pela internet, e o link pode ser acessado no site do CAU/RS...

O objetivo da palestra foi apresentar uma visão estratégica do atual estágio da Modelagem da Informação da Construção (BIM – Building Information Modeling).


O palestrante foi o consultor Rogerio Suzuki, onde apresentou muito bem e de forma acessível fatores importantes para implantação de BIM...

Aproveite e assista a palestra! CAU/RS...

Fonte: CAU/RS




quarta-feira, 13 de maio de 2015

BIM 3D, 4D, 5D e 6D

Building Information Modeling (BIM), uma poderosa metodologia de modelagem tridimensional que vai além de uma maquete eletrônica da edificação...

Níveis de BIM
3D BIM : Informações construção de modelos em 3 dimensões
4D BIM : 3D + Tempo
5D BIM : 4D + Custo
6D BIM : 5D + todos os aspectos do projeto de gestão de informações de ciclo de vida


A ideia por trás do BIM é ser uma plataforma em que se carreguem todas as informações para a gestão do projeto, da obra e de toda a vida útil do prédio ou instalação.

BIM 3D

O BIM 3D consiste na consolidação dos projetos da obra em um mesmo ambiente virtual, em três dimensões e com todos os elementos necessários para sua caracterização e posicionamento espacial.
Uma das grandes vantagens do BIM 3D é o que se chama de clash detection (detecção de conflitos), isto é, a identificação de inconsistências entre os diversos projetos.



BIM 4D

No BIM 4D, os elementos gráficos da edificação podem ser atrelados ao cronograma da obra. Esta correlação torna possível ao gestor acompanhar o avanço físico da construção e ver a obra sendo paulatinamente construída digitalmente.



BIM 5D

No BIM 5D agrega-se a dimensão custo ao modelo tridimensional. Cada elemento do projeto passa a ter vinculação a dados de custo. Assim, a alvenaria mostrada no pavimento fica ligada a seu orçamento e a seus respectivos insumos de produção. Uma alteração de dimensão na planta torna possível a atualização do orçamento.


BIM 6D

A sexta dimensão constitui a facilities management, ou seja, o gerenciamento do ciclo de vida do bem em questão. Com o BIM 6D, pode-se controlar a garantia dos equipamentos, planos de manutenção, dados de fabricantes e fornecedores, custos de operação e até mesmo fotos.


O BIM, assim, não constitui uma mudança de ferramenta. Ele constitui, sim, prioritariamente uma evolução na filosofia de trabalho.

Fonte: blogs.pini.com.br
www.petefowler.com





segunda-feira, 4 de maio de 2015

palestra BIM – MERCADO & IMPLANTAÇÃO | CAU-RS | POA -RS

No próximo dia 7 de maio, acontece a palestra BIM – MERCADO & IMPLANTAÇÃO. O evento, que ocorrerá das 19h às 21h, irá acontecer no auditório do prédio da sede do CAU/RS (Rua Dona Laura, nº 320, bairro Rio Branco), em Porto Alegre.


Nos últimos anos, tanto o mercado nacional como internacional têm se mobilizado para a adoção do BIM, o que torna o tema de grande relevância.


O objetivo da palestra é apresentar uma visão estratégica do atual estágio da Modelagem da Informação da Construção (BIM – Building Information Modeling), que permitirá aos profissionais uma reflexão sobre o futuro do mercado de projetos, além de discorrer sobre a necessidade da sua adoção pelos arquitetos e urbanistas e pelos outros integrantes da cadeia produtiva da Construção Civil.

Para se inscrever, basta enviar nome completo, CPF e a matrícula do CAU (necessária apenas para arquitetos e urbanistas) para o e-mail eventos@caurs.gov.br.

Sobre o palestrante

O palestrante será o consultor Rogerio Suzuki que possui mais de 24 anos de experiência na aplicação e implementação de tecnologias para a Indústria da Construção. Atualmente, Suzuki é consultor para implantação de BIM/4D/6D, Business Development Manager para o Brasil da ARCHIBUS, Inc., membro do GT BIM da Comissão ABNT CEE-134, professor convidado em quatro pós-graduações, além de coordenar a Academia BIM do Sinduscon-SP e Associação de Gestores e Coordenadores de Projetos – AGESC.



sexta-feira, 1 de maio de 2015

Benefícios do Uso de BIM em Construção

A Revolução BIM: O Top 3 Benefícios do Uso de BIM em Construção

O novo Dover High School, em Dover, é o primeiro e maior escola inteiramente projetado usando BIM.
BIM está criando uma revolução na indústria da construção. O que exatamente é BIM ? BIM, ou " Building Information Modeling "é uma sofisticada tecnologia utilizada nas fases de planejamento de um projeto que permite que a equipe de projeto, construtor e proprietário de trabalhar em conjunto com um modelo gerado 3D do edifício antes da construção real.

Mas, temos vindo a utilizar ferramentas de tecnologia como o AutoCAD ... O que há de tão revolucionário em BIM ?

Ao contrário de desenhos 2D, BIM constrói todo o edifício - e todos os sistemas - em um "espaço virtual", que tem as fases de planejamento, construção e operação de um nível muito mais elevado e produtivo. Essa produtividade se traduz em ganhos reais, em tempo, dinheiro e utilidade, pós-construção, para o proprietário.



1. BIM pode poupar dinheiro.
Pedidos de alteração podem fazer ou quebrar um orçamento em qualquer projeto. E se você pudesse minimizar a quantidade de pedidos de alteração na fase de planejamento, em vez da fase de construção? A tecnologia BIM tem a capacidade de detectar potenciais conflitos entre os comércios antes de construção , para que possam ser planejadas e evitadsos antes do tempo. Além disso, sabendo que tipos de mudanças e materiais a equipe do projeto precisa para concluir o trabalho, os estimadores são capazes de criar um orçamento mais preciso para os edifícios.


Dover da High School é um grande exemplo de como BIM pode ajudar a economizar dinheiro dos contribuintes. O edifício é o primeiro e maior projeto de ensino médio em Delaware para ser inteiramente projetado usando BIM. Porque a redução das encomendas de mudança significou mudanças menos materiais e menos mudanças de campo de última hora, BIM ajudou o Distrito Escolar de Dover High School salvar mais de quatro vezes o custo do uso de BIM . Graças a essas economias de custo, o Distrito Escolar Capital foi capaz de reinvestir o dinheiro de volta para o aprendizado do aluno.



2. BIM pode lhe poupar tempo.
Como diz o ditado, "tempo é dinheiro" e desde BIM , por sua própria natureza, melhora a coordenação de um projeto, não só ajuda a minimizar as ordens de mudança, mas também requer total colaboração em projetos . Com mais mentes e pontos de vista a trabalhar em conjunto para um mais eficiente e eficaz projeto , muitos problemas são resolvidos durante a fase de projeto ao invés de ser encontrado, e consome um tempo precioso, durante a fase de construção.

No de POLYTECH High School de novo projeto de centro de artes performáticas em Dover, Delaware, BIM melhora a coordenação das negociações para que a instalação dos 3-D acústicas "nuvens" no teto, ea configuração das luzes ao redor deles, foi realizado sem qualquer confrontos. Usando BIM significou a projetistas e construtores poderia reconfigurar o arranjo - antes da instalação - o que, em última análise ajudou a estadia projeto dentro do cronograma.



3. BIM prepara o futuro.

Depois de um projeto está completo, ficamos com um modelo que contém uma enorme quantidade de informações valiosas e dados sobre o edifício. Essa informação pode ser aproveitado para economizar ainda mais tempo e dinheiro no futuro. A redução de custos operacionais e fazer mais com menos é algo que todos os proprietários de edifícios quiser.


O BIM leva modelagem 3D e aplica a todas as fases de uma construção do conceito à construção através do tempo de vida total do prédio - desde o planejamento até a construção e operação. O BIM apresentou benefícios tangíveis e importantes da economia de custos, horários mais curtos e operações mais eficientes.


Fonte: ediscompany




domingo, 5 de abril de 2015

|Modelagem BIM| 03 FAMÍLIAS - parte 2

Autodesk Revit Architecture e a modelagem BIM em 9 conceitos:

3. FAMÍLIAS

Inserindo famílias:

Quando estamos inserindo famílias no Revit Architecture podemos responder as 5 perguntas:
1. O que eu quero... Que família> categoria? (Encontrar a ferramentas>ícone Ribbon)


2. Que modelo desta família?
3. Que tipo deste modelo?


4. Como inserir? (Tabela)



Algumas famílias inseridas pelo ponto de origem dependem de um plano. Estas famílias são consideradas Face Based. Ao inserir o objeto deve-se escolher uma face vertical ou horizontal para inserir a instância.


O modo de sketch é acionado em determinadas ferramentas de criação de famílias system, quando é necessária a definição de regiões que conformem o elemento em desenvolvimento. As ferramentas da tab de sketch variam de acordo com a categoria da família em desenvolvimento, mas em geral inclui ferramentas de linhas para a definição das regiões e de propriedades da família, bem como ferramentas usuais de cotas, ref plane, set work plane, etc.

5. Verificar o nível base e/ou topo do objeto... Acessar cortes, vistas 3D, tabelas...






quarta-feira, 4 de março de 2015

Famílias Revit - Pormade Portas


A Pormade é a primeira empresa de portas no Brasil, a lançar uma biblioteca de produtos, para a plataforma BIM. Nesta biblioteca, o usuário além de visualizar todos os produtos fabricados pela empresa, também poderá inserir estes modelos em seus projetos e obter informações relevantes, de como este produto irá interagir com o processo de execução das paredes do seu empreendimento. Toda vez que um elemento da Pormade for inserido em seu projeto, além da especificação de medidas, o usuário terá informações detalhadas de qual o vão a ser utilizado já que o programa faz os cortes automáticos nas paredes, de acordo com as dimensões preconizadas na nova norma de portas a NBR 15930. Além disso, o usuário poderá escolher se as portas serão de abrir ou de correr, o tamanho do batente a ser utilizado, largura das guarnições, e o tamanho das hastes reguláveis destas guarnições. Com isto fica fácil definir o tamanho dos elementos, e também se o usuário gostaria de privilegiar o fator econômico para o seu empreendimento. Exemplo : se a parede do empreendimento possuir uma espessura de 15cm, o usuário poderá optar por inserir um batente de 9cm de largura e utilizar uma guarnição com regulagem de até 8cm.




Confira outros materiais para download...

Fonte: Pormade

Desde 1939 a PORMADE trabalha para manter a mais alta qualidade de suas portas. A empresa tem um papel marcante na comunidade e na preservação ecológica. Com grandes áreas de florestas plantadas e um parque industrial completo, com 86.000 m² construídos, a PORMADE controla a produção das portas desde o seu corte. Toda essa estrutura permite que a empresa tenha um dos melhores padrões de qualidade da América do Sul, com certificação ISO 9001:2008, assegurando a excelência da produção, processo de venda e documentação da fábrica. E, além disso, nosso produto é fabricado com madeira reflorestada, certificada pelo FSC. Plantando a ideia da preservação e fazendo o manejo ambiental correto, mantemos a natureza a nosso favor, protegemos as próximas gerações e deixamos o mundo mais vivo.



terça-feira, 3 de março de 2015

BIM around the world...


Veja o resumo do status do Brasil e outros países na adoção de BIM.



..."O Brasil tem uma boa reputação como um centro acadêmico BIM - as suas universidades estão em terceiro, atrás os EUA e a Suécia sobre a publicação de trabalhos acadêmicos com foco no BIM. Em termos de aplicações práticas, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes do Brasil está abraçando BIM, na esperança de fazer economia de custos de 30%.
"O Brasil está começando a ficar “atento” para o BIM", diz o professor da Universidade de Teesside Nashwan Dawood. "Um dos meus colegas [Mohamad Kassem] fez um relatório sobre diferentes normas e protocolos de BIM e que o governo está tomando a frente para permitir a adoção de uma política e um plano estratégico. O Brasil não tem o mesmo crescimento maciço como no Qatar, mas BIM está se movendo muito rápido. "
Mohamad Kassem, Universidade de Teesside
Kassem já trabalhou com o professor brasileiro Sérgio Leusin, consultor na implementação BIM no Brasil, para fazer recomendações sobre a estratégia.
No momento da sua nomeação Kassem disse: "O Brasil é uma economia enorme e que o país está passando por uma enorme quantidade de trabalho de construção. Alterações que resultam em ganhos de eficiência, mesmo as pequenas, têm o potencial de salvar os bilhões da economia brasileira. BIM pode trazer benefícios reais para a indústria da construção e há uma verdadeira dinâmica no sentido da inovação na indústria e espero que o meu trabalho possa ajudar a melhorar a difusão BIM no Brasil. "
Em outros lugares da América Latina, projeto em andamento do Panamá para adicionar um novo conjunto de eclusas em cada extremidade do Canal do Panamá aprovou BIM desde o início, e um novo aeroporto para a Cidade do México também vai usá-lo..."


Fonte: CM - Construction Manager

‪#‎BIM‬emprogresso