domingo, 5 de abril de 2015

|Modelagem BIM| 03 FAMÍLIAS - parte 2

Autodesk Revit Architecture e a modelagem BIM em 9 conceitos:

3. FAMÍLIAS

Inserindo famílias:

Quando estamos inserindo famílias no Revit Architecture podemos responder as 5 perguntas:
1. O que eu quero... Que família> categoria? (Encontrar a ferramentas>ícone Ribbon)


2. Que modelo desta família?
3. Que tipo deste modelo?


4. Como inserir? (Tabela)



Algumas famílias inseridas pelo ponto de origem dependem de um plano. Estas famílias são consideradas Face Based. Ao inserir o objeto deve-se escolher uma face vertical ou horizontal para inserir a instância.


O modo de sketch é acionado em determinadas ferramentas de criação de famílias system, quando é necessária a definição de regiões que conformem o elemento em desenvolvimento. As ferramentas da tab de sketch variam de acordo com a categoria da família em desenvolvimento, mas em geral inclui ferramentas de linhas para a definição das regiões e de propriedades da família, bem como ferramentas usuais de cotas, ref plane, set work plane, etc.

5. Verificar o nível base e/ou topo do objeto... Acessar cortes, vistas 3D, tabelas...






quarta-feira, 4 de março de 2015

Famílias Revit - Pormade Portas


A Pormade é a primeira empresa de portas no Brasil, a lançar uma biblioteca de produtos, para a plataforma BIM. Nesta biblioteca, o usuário além de visualizar todos os produtos fabricados pela empresa, também poderá inserir estes modelos em seus projetos e obter informações relevantes, de como este produto irá interagir com o processo de execução das paredes do seu empreendimento. Toda vez que um elemento da Pormade for inserido em seu projeto, além da especificação de medidas, o usuário terá informações detalhadas de qual o vão a ser utilizado já que o programa faz os cortes automáticos nas paredes, de acordo com as dimensões preconizadas na nova norma de portas a NBR 15930. Além disso, o usuário poderá escolher se as portas serão de abrir ou de correr, o tamanho do batente a ser utilizado, largura das guarnições, e o tamanho das hastes reguláveis destas guarnições. Com isto fica fácil definir o tamanho dos elementos, e também se o usuário gostaria de privilegiar o fator econômico para o seu empreendimento. Exemplo : se a parede do empreendimento possuir uma espessura de 15cm, o usuário poderá optar por inserir um batente de 9cm de largura e utilizar uma guarnição com regulagem de até 8cm.




Confira outros materiais para download...

Fonte: Pormade

Desde 1939 a PORMADE trabalha para manter a mais alta qualidade de suas portas. A empresa tem um papel marcante na comunidade e na preservação ecológica. Com grandes áreas de florestas plantadas e um parque industrial completo, com 86.000 m² construídos, a PORMADE controla a produção das portas desde o seu corte. Toda essa estrutura permite que a empresa tenha um dos melhores padrões de qualidade da América do Sul, com certificação ISO 9001:2008, assegurando a excelência da produção, processo de venda e documentação da fábrica. E, além disso, nosso produto é fabricado com madeira reflorestada, certificada pelo FSC. Plantando a ideia da preservação e fazendo o manejo ambiental correto, mantemos a natureza a nosso favor, protegemos as próximas gerações e deixamos o mundo mais vivo.



terça-feira, 3 de março de 2015

BIM around the world...


Veja o resumo do status do Brasil e outros países na adoção de BIM.



..."O Brasil tem uma boa reputação como um centro acadêmico BIM - as suas universidades estão em terceiro, atrás os EUA e a Suécia sobre a publicação de trabalhos acadêmicos com foco no BIM. Em termos de aplicações práticas, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes do Brasil está abraçando BIM, na esperança de fazer economia de custos de 30%.
"O Brasil está começando a ficar “atento” para o BIM", diz o professor da Universidade de Teesside Nashwan Dawood. "Um dos meus colegas [Mohamad Kassem] fez um relatório sobre diferentes normas e protocolos de BIM e que o governo está tomando a frente para permitir a adoção de uma política e um plano estratégico. O Brasil não tem o mesmo crescimento maciço como no Qatar, mas BIM está se movendo muito rápido. "
Mohamad Kassem, Universidade de Teesside
Kassem já trabalhou com o professor brasileiro Sérgio Leusin, consultor na implementação BIM no Brasil, para fazer recomendações sobre a estratégia.
No momento da sua nomeação Kassem disse: "O Brasil é uma economia enorme e que o país está passando por uma enorme quantidade de trabalho de construção. Alterações que resultam em ganhos de eficiência, mesmo as pequenas, têm o potencial de salvar os bilhões da economia brasileira. BIM pode trazer benefícios reais para a indústria da construção e há uma verdadeira dinâmica no sentido da inovação na indústria e espero que o meu trabalho possa ajudar a melhorar a difusão BIM no Brasil. "
Em outros lugares da América Latina, projeto em andamento do Panamá para adicionar um novo conjunto de eclusas em cada extremidade do Canal do Panamá aprovou BIM desde o início, e um novo aeroporto para a Cidade do México também vai usá-lo..."


Fonte: CM - Construction Manager

‪#‎BIM‬emprogresso


terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Biblioteca “MCMV em BIM”

Contier Arquitetura disponibiliza “MCMV em BIM”: os elementos básicos para a elaboração de projetos em REVIT para atender às necessidades do Programa Minha Casa Minha Vida.

Esse material, originalmente produzido pela Contier Arquitetura para o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior – MDIC, esteve por um longo tempo disponível em site mantido pelo ministério.

Mais do que um template definitivo e uma biblioteca pronta e completa é uma base que pode e deve ser aprimorada pelos usuários, com a criação de material próprio, desenvolvido para atender as suas necessidades específicas. A biblioteca de famílias aqui apresentada para download – embrião de futuras bibliotecas de cada usuário – corresponde a uma “cesta básica” de produtos usados nos projetos do programa Minha Casa Minha Vida.

Tanto as famílias quanto os templates atendem à norma de Coordenação Modular de acordo com a ABNT NBR 15873/2010, que define os termos, o valor do módulo básico e os princípios da coordenação modular para edificações.

A representação dos elementos e símbolos de anotação considera as exigências da norma ABNT NBR 6492/1994, que aborda a representação dos principais elementos arquitetônicos da construção civil no Brasil.

Nos parâmetros das Famílias e Famílias de Sistemas, foi criado um campo para inserir o código SINAPI – Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil, sistema de pesquisa mensal que informa os custos e índices da construção civil.

Estão disponíveis para download os arquivos de famílias na extensão RFA, nativa do Revit e os arquivos de template, de famílias de sistema e arquivos índices na extensão RVT.

O download é livre com a única exigência de o usuário se cadastrar site de Contier Arquitetura.





Fonte: Contier Arquitetura



sábado, 21 de fevereiro de 2015

|Modelagem BIM| 03 FAMÍLIAS

Autodesk Revit Architecture e a modelagem BIM em 9 conceitos:

3. FAMÍLIAS

Conceitos gerais:

- System Family: São famílias criadas no contexto do projeto, pertencentes ao arquivo RVT em que se encontram, e que são geralmente criadas a partir da duplicação de outras modelos/ tipos similares. Na maioria das vezes envolvem definições de estrutura ou limites (boundaries), definidas em modo de edição de propriedades ou modo sketch. Todos os host elements são, por exemplo, System Family (walls, floors, roofs, ceiling, etc).
As famílias do sistema são predefinidas e possuem parâmetros configurados no Revit.
Não é possível criar modelos, somente tipos.
Você não as salva em projetos a partir de arquivos externos, nem as salva em localizações externas ao projeto.
Não podem ser criadas com os Templates através de New Family.
Não é possível alterar e adicionar mais parâmetros de dimensões diferentes dos disponíveis.


- Load Family: São famílias criadas fora do contexto do projeto, para inserção, pertencentes a arquivos RFA que devem ser carregados no projeto. Configuram essencialmente elementos de inserção, criados em modo de family editor. Por exemplo, Load Family (doors, windows, furniture, etc).
São famílias que podem ser criadas e modificadas de forma comum no Revit.
São criadas com os Templates através de New Family.
São criadas em arquivos RFA externos e importadas ou carregadas em seus projetos.
Contêm modelos e tipos para carregar ao arquivo do projeto – Load Family.
São editáveis através do acesso ao arquivo de criação rfa da família.
Os parâmetros podem ser editados, apagados, adicionados, etc, através do acesso ao arquivo rfa.


- In-place Families: São famílias criadas no contexto do projeto, pertencentes ao arquivo RVT em que foram criadas, mas que podem pertencer a praticamente qualquer categoria de modelo. São elementos criados em ambiente de family editor interno ao projeto, através da ferramenta Component > Model InPlace, disponível na Architecture Tab.
São elementos únicos que você cria quando precisa de um componente único que é específico ao projeto atual.
São modeladas dentro do arquivo de projeto.
Não podem ser exportadas ou copiadas do arquivo de projeto para tornar uma família Load.
Pode ser aplicada parametria, porém cada instância se torna única. Assim, não alterando as demais quando editada.
Tornam o arquivo de projeto carregado.
Não possuem nível como base e/ou topo, assim não se desloca quando um nível for alterado.



- famílias de vistas: As vistas são famílias do sistema (System Family). Os símbolos que marcam e indicam estas famílias de vistas podem ser carregadas e criadas externamente. Assim, os símbolos de indicação de vistas são famílias carregáveis (Load Family).


- famílias de anotações: Textos, nuvens de revisão, linhas e cotas são famílias do sistema (System Family). É possível criar novas linhas, novos hatch e símbolos. Tags são famílias carregáveis (Load Family). Podem ser criadas através de Templates.



...este conceito (Famílias) será divido em vários posts.. aguardem!


BIMRevit - arq. Flávia Maritan
Treinamentos e Consultoria BIM - Revit



sábado, 14 de fevereiro de 2015

Autodesk University Brasil 2015

A Autodesk já abriu a inscrição de palestras para o Autodesk University Brasil 2015 que acontecera no dia 3 de setembro em São Paulo

Se você tem uma experiência de sucesso com um produto Autodesk ou se quer apresentar uma fluxo de trabalho com os softwares da Autodesk e compartilhar seu conhecimento com outros usuários voce já pode inscrever sua palestra pelo link abaixo. As propostas serão avaliadas e você será notificado se sua palestra foi selecionada em breve.




Participe!

Participe!

Participe!

Acesse o link e saiba como inscrever sua palestra na Comunidade Autodesk Brasil


domingo, 25 de janeiro de 2015

Academia BIM | SindusCon - SP

Academia BIM - 13, 14, 20 e 21 de Março de 2015.



Objetivo:
A Academia BIM irá apresentar o Building Information Modeling (BIM), abordando o ciclo de gestão numa perspectiva desmaterializada e adequada às necessidades de desenvolvimento, modernização, internacionalização, de maior competitividade do setor da construção e imobiliário.


Publico Alvo:
Profissionais e estudantes das áreas de Arquitetura, Engenharia e Construção, ligados direta ou indiretamente ao Processo de Projeto, Construção e Operações de Edifícios, interessados em adquirir conhecimentos sobre BIM - Building Information Modeling.


Conteúdo Programático:
Conhecendo a metodologia BIM
• Vocabulário BIM
• Desenvolvimento de uma matriz de avaliação de software
• Compreendendo a operação e relevância do sistema BIM
• As vantagens do BIM para todo stakeholder
• Processos e Responsabilidades
• Componentes legais, contratuais e de Propriedade Intelectual
• Implementação bem sucedida


Instrutor:
Engº António Ruivo Meireles
Fundador da NDBIM Virtual Building; Consultor em Sistemas de Informação; Coordenador do BIM Fórum Portugal; palestrante em Conferências Internacionais BIM na América, Ásia e Europa; orientador de várias teses de mestrado relacionadas com a temática BIM; professor convidado da unidade curricular "BIM: Concept, Design and Construction" no mestrado em Construção e Reabilitação Sustentáveis da Universidade do Minho; doutorado em Gestão da Construção em curso na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto; MBA em Gestão de Empresas pelo IESF; licenciatura em Engenharia Civil pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto


DATAS
13, 14, 20 e 21 de março - (sextas e sábados)

CARGA HORÁRIA
10h às 18h - 28 horas


VALORES INSCRIÇÃO:
Associados ao SindusCon-SP e estudantes: R$ 1560,00
Não associado e pessoa física: R$ 2900,00

LOCAL:
Sede - SindusCon-SP – Rua Dona Veridiana, 55 – Santa Cecília – São Paulo/SP



Informações: Central de Relacionamento (11) 3334-5600 | cursos@sindusconsp.com.br
Sinduscon - SP